Notícias | Fique por dentro

05

Jan 2021

Seconci-SP explica o que muda nas áreas de vivência dos canteiros de obras com a nova NR 18

Norma que vigorará em agosto modifica exigências e remete algumas para a NR 24

 

 

As construtoras devem aproveitar os próximos meses na realização das adaptações necessárias ao atendimento dos novos requisitos para as áreas de vivência dos canteiros de obras. Estes requisitos serão exigíveis a partir de 1º de agosto, quando entrar em vigor a nova Norma Regulamentadora (NR) 18 – Saúde e Segurança e Saúde no Trabalho na Indústria da Construção.

 

A recomendação é de José Bassili, gerente de Segurança Ocupacional do Seconci-SP (Serviço Social da Construção), e de Gianfranco Pampalon, ex-auditor fiscal do Trabalho e consultor desta entidade.

 

Eles explicam que a nova NR 18 traz disposições para as áreas de vivência que, em alguns itens, remetem ao atendimento dos requisitos da NR 24 – Condições de Higiene e Conforto nos Locais de Trabalho. As empresas precisarão harmonizar as exigências das duas NRs. No caso de diretrizes divergentes, o disposto na NR 18, norma setorial da construção civil, prevalece sobre o da NR 24, normal geral.

 

Pampalon alerta para o cuidado no atendimento aos requisitos, pois a área de vivência dá uma ideia de como a empresa trata a saúde e a segurança do trabalhador, sendo muitas vezes a primeira a ser vistoriada pelo auditor fiscal, antes das demais instalações do canteiro de obras. “Além disso, uma área de vivência bem projetada e cuidada é um elemento relevante para a motivação e a produtividade do trabalhador, que sente orgulho e satisfação de integrar o quadro laboral daquela empresa”, destaca.

 

Consolidação

A seguir, uma consolidação preparada por Bassili e Pampalon, harmonizando os requisitos das NRs 18 e 24:

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mais Notícias

No Banner to display