Notícias | Fique por dentro

17

mai 2017

Faturamento da indústria de máquinas sobe 31,5% em março

O balanço da Abimaq revela ainda que a utilização da capacidade instalada nas fábricas de máquinas brasileiras foi 0,7% maior que a registrada em fevereiro

Fonte: Assessoria de Imprensa

Segundo balanço divulgado pela Associação Brasileira de Máquinas e Equipamentos (Abimaq), entidade que representa a indústria nacional de máquinas e equipamentos, o faturamento do setor subiu 31,5% na passagem de fevereiro para março. Na comparação com igual período de 2016, houve queda de 3,4%.

As fábricas de bens de capital mecânicos fecharam o mês passado com faturamento de R$ 6,43 bilhões, o que leva para R$ 15,59 bilhões o total faturado no primeiro trimestre, em recuo de 7,4%.

O desempenho do mês reflete a queda de 12%, na comparação anual, do consumo de máquinas no país, em um total de R$ 7,98 bilhões.

Nos três primeiros meses do ano, as compras de bens de capital, um termômetro dos investimentos das empresas nas linhas de produção, registraram queda de 19%, totalizando R$ 21,19 bilhões.

Na comparação entre março deste ano e o mesmo período de 2016, as exportações do setor, de US$ 945 milhões, subiram 14,5%, enquanto as importações de máquinas no Brasil ficaram praticamente estáveis (leve queda de 0,5%), chegando a US$ 1,26 bilhão.

O déficit comercial ficou, então, 28,4% menor do que o saldo negativo de um ano antes, somando US$ 318,1 milhões em março.

O balanço da Abimaq revela ainda que a utilização da capacidade instalada nas fábricas de máquinas brasileiras foi 0,7% maior que a registrada em fevereiro.

A ocupação no setor, no mesmo intervalo de tempo, subiu 0,2%. A indústria de máquinas terminou o mês passado empregando 292,7 mil pessoas.

Fonte: Revista M&T

compartilheShare on Facebook0Tweet about this on Twitter0Share on Google+0Share on TumblrShare on LinkedIn0

Mais Notícias